Gordura Localizada

A gordura localizada é o acúmulo de tecido adiposo (gorduroso) em algumas regiões do corpo.

Importante salientar que gordura localizada não é obesidade. O excesso de gordura corporal e a ação hormonal podem levar ao depósito de tecido gorduroso em determinadas partes do corpo, como nos culotes, flancos, na barriga, nos braços e na papada.

De maneira simplificada podemos classificar os corpos femininos em 5 tipos, conforme a distribuição de gordura:


1 - Tipo ampulheta ou violão
A silhueta ampulheta também é conhecida como violão e é considerada dessa forma, porque os ombros e os quadris possuem o mesmo tamanho e a cintura é bem acentuada.
2 - Tipo retângulo ou reto
O tipo de corpo retangular, tem os ombros, a cintura e o quadril com praticamente a mesma medida. A cintura é pouco ou nada marcada, lembrando o formato de um retângulo.
3 - Tipo triângulo invertido
Os ombros e costas são maiores e os quadris estreitos, na maioria dos casos as pernas são finas e os seios são grandes, a cintura é pouco ou nada marcada.
4 - Tipo oval ou maçã
A silhueta oval é onde o foco principal está na barriguinha, que é neste caso a maior medida do corpo. Normalmente quem está acima do peso se encaixa nesta categoria.
5 - Tipo triângulo ou pera
O foco desse biótipo são os quadris, a medida do quadril é consideravelmente maior do que a dos ombros e a cintura é marcada, costuma ter coxas grossas e seios pequenos ou médios.

Como o próprio nome ressalta, gordura localizada é diferente de obesidade. Porém, em muitos casos encontramos as duas situações e o tratamento da gordura localizada também deverá ser associado ao da obesidade. As principais modalidades de tratamento da gordura localizada são a carboxiterapia, lipocavitação ultrassônica, hidrolipoclasia e a criolipólise. A escolha de cada método depende do local a ser tratado, assim como a quantidade de gordura e outros fatores individuais.